"O MAIOR ACERVO DA INTERNET DE FICHAS TÉCNICAS DE CAMPEONATOS NO BRASIL"
Veja o indíce dos Campeonatos clicando em http://indiceblogdomarcao.blogspot.com/
atualizado até dezembro de 2010

sábado, 26 de novembro de 2011

Copa Rio - 1951

COPA RIO - MUNDIAL DE CLUBES  - 1951
HISTÓRICO: Foi uma iniciativa da CBD (Confederação Brasileira de Desportos), atual CBF, aproveitando o clima criado um ano antes com a realização da Copa do Mundo e que foi patrocinada pela Prefeitura do Rio de Janeiro (proprietária do Maracanã), que acabou por dar o nome ao Torneio. O curioso é que, apesar de se chamar "Torneio Internacional de Campeões - Copa Rio", o torneio foi realizado em dois estados: Rio de Janeiro - com os jogos sendo realizados no Estádio do Maracanã e São Paulo, que sediou (nos dois torneios) os jogos do grupo do campeão paulista, no Estádio do Pacaembú. Foram realizadas apenas duas edições: 1951 e 1952.

Em 1951, teve autorização "comprovada" da FIFA que, inclusive enviou o Secretário-Geral da entidade, o Sr. Ottorino Barassi, para acompanhar o torneio e entregar a Taça ao campeão Palmeiras que bateu a Juventus, de Turim-Itália, nos jogos finais (1x0 e 2x2).

Este torneio foi reconhecido pela FIFA, em 30 de março de 2007, como o Primeiro Mundial de Clubes sendo, posteriormente, retirado o título de "reconhecimento de mundial" no dia 15 de dezembro de 2007.
"No que diz respeito à história da Copa do Mundo de Clubes e competições intercontinentais em anos passados, como a Copa Rio em 1950, o Comitê Executivo da FIFA aprovou a idéia de que a primeira edição desta competição foi realizada em 2000 no Brasil, onde Corinthians se tornou o primeiro clube campeão do mundo FIFA. Outros torneios não são considerados eventos oficiais da FIFA.

A FIFA, neste caso, não reconhece como competição mundial a Copa Rio e a Copa Intercontinental, porém não "retira" sua oficialização pelas entidades que as organizaram. Ou seja, assim como a Copa Intercontinental, a Copa Rio de 1951 e 1952 é oficial. A Copa Intercontinental ou Toyota Cup foi realizada pela Conmebol e UEFA; e a Copa Rio pela CBD (atual CBF), elevando em importância a conquista dos clubes."

Critério de participação
Foi por convite que a CBD (atual CBF) fez a escolha dos participantes - os melhores à época, campeões ou não em seus respectivos países. Dentre os melhores clubes da época, apenas faltou o representante argentino. Não se sabe ao certo, se foi enviado convite à Federação da Argentina para enviar seu representante, ou, se foi enviado, houve recusa.

PARTICIPANTES

GRUPO RIO DE JANEIRO
Vasco da Gama (Brasil) - Campeão Estadual do Rio de Janeiro de 1950
Sporting Lisboa (Portugal) - Campeão Nacional temp. 1950/51
Nacional (Uruguai) - Campeão Nacional de 1950
Áustria Wien (Austria) - Campeão Nacional temp. 1949/50

GRUPO DE SÃO PAULO
Palmeiras (Brasil) - Campeão Estadual de São Paulo de 1950
Nice (França) - Campeão Nacional temp. 1950/51
Juventus (Itália) - 3° colocado no Camp. Nacional temp. 1950/51
Crvena Zvezda "Estrela Vermelha" (Iugoslávia) - Campeão Nacional em 1951
 
FICHAS TÉCNICAS:
30/06/1951
Astria Wien  4x0  Nacional
Local:Maracana – Rio de Janeiro/DF
Renda: Cr$ 552.220,00;
Juiz: Powers (ING)
Gols: Aurednik 22’, 27’ (1ºT) Stojaspa 8’, 40’ (2ºT)
AUSTRIA: Sweis; Melchior II, Kowanz; Fischer, Ocwirk, Sukach; Melchior I, Koller, Huber (Higgers), Stojaspa e Aurednik.
NACIONAL: Penalva; Santamaría, Duren; Suarez (Cruz), Washington, Gomez e Cajiga; Sovelio (Rutelli), Ambrois, Tiger, J.Garcia (Julio Perez) e Orlandi.

01/07/1951
Vasco da Gama  5x1  Sporting
Local:Maracaña – Rio de Janeiro/DF
Renda: Cr$ 2.964.000,00;
Juiz: Fordjman (FRA) - Auxiliares: Powers (ING) e Gabati (OITA)
Gols: Friaça, Tesourinha (1ºT) Ipojucan 1’, 30’, Patalino 42’, Dejair 44’ (2ºT).
VASCO DA GAMA: Barbosa; Augusto (Laerte), Clarel; Eli, Danilo, Alfredo; Tesourinha, Ipojucan, Friaça, Maneca e Dejair.
SPORTING: Azevedo; Serafim, Juvenal; Canário (Veríssimo), Passos e Juca; Jesus Correia (Patalino), Vasquez,  Ben, David, Travassos e Albano.
03/07/1951
Nacional  3x2  Sporting
Local:Maracaña – Rio de Janeiro/DF
Renda: Cr$ 387.840,00;
Juiz: Galvatti (ITA)
Gols: Patalino 10’, Bernardes 12’, Jesus 15’ (1ºT) Ramires 30’, Ambrois 43’ (2ºT).
NACIONAL: Penalva; Santamaría, Duran (Holley); Suarez, Washington Gomez e Vargin; Roseno, Julio Perez (Ambrois), Gimenez, Bernardes e Ramires.
SPORTING: Azevedo; Serafim, Juvena; Canário, Passos, Juca (Veríssimo); Jesus Correia, Vasquez, Patalino (Bem David), Travassos e Albano.
05/07/1951
Vasco da Gama  5x1  Austria Wien
Local: Maracanã, Rio de Janeiro/DF
Renda: Cr$ 2.615.830,00;
Juiz: Power (ING)
Gols: Melchior I 10’, Friaça 15’, Friaça (falta), Tesourinha (1ºT) Friaça 18’, Friaça (penal) (2ºT).
VASCO: Barbosa; Laerte, Clarel; Eli, Danilo, Alfredo; Tesourinha (Noca), Ipojucan, Friaça, Maneca (Tesourinha) e Dejair.
AUSTRIA: Sweds (Ploe); Melchior II, Kowartz; Fischer, Oswick, Jotsef; Melchior I, Koller (Kominek), Huber, Stognapal e Aurednik.

07/07/1951
Sporting  1x2  Austria Wien
Local: Pacaembu, São Paulo/SP
Renda: Cr$ 339.895,00;
Juiz: Popovic (IUG)
Gols: Audrednick (1ºT) Albano, Hubber (2ºT)
SPORTING: Azevedo; Serafini, Juvenal; Canário, Passos, Barros; Jesus Correia, Vasquez (Vieira), Patalino, Travassos e Albano.
AUSTRIA: Schweda; Oto Melchior, Kowanz; Fischer, Orevick, Joksch; Karl Melchior, Koller (Koelin), Hubber, Stejaspal e Audrednick.

08/07/1951
Vasco da Gama  2x0  Nacional
Local: Maracanã, Rio de Janeiro/DF
Renda: Cr$ 1.532.120,00;
Juiz: Power (ING)
Auxiliares: Franz Grill e Turdjman.
Gols: Djair 36’ (1ºT) Ipojucan 23’ (2ºT)
VASCO: Barbosa; Augusto, Clarel; Eli, Danilo, Alfredo; Tesourinha, Ipojucan (Amorim), Friaça, Maneca e Djair.
NACIONAL: Penalva; Santamaria, Holloway; Duran, Washington Gomez e Varela; Roselo (Ramiro), Julio Perez (Ambrois), Gimenez, Bermudez e Orlandi.
GRUPO RIO DE JANEIRO PT  VT EM DR  GP  GC
1°- Vasco da Gama    06  03 00 00  12  02
2°- Áustria Wien     04  02 00 01  07  06
3°- Nacional         02  01 00 02  03  08
4°- Sporting         00  00 00 03  04  10

30/06/1951
Palmeiras  3x0  Olimpic Nice
Local: Pacaembu – São Paulo (SP)
Renda: Cr$ 854.905,00;
Juiz: Franz Grill (AUS)
Auxiliares: Gama Malcher (BRA) e Terjman (FRA)
Gols: Aquiles 7’, Ponce de Leon 11’, Richard 31’ (2ºT)
PALMEIRAS: Oberdan; Salvador, Juvenal; Valdemar Fiúme, Luis Vila, Dema; Lima, Aquiles (Ponce de Leon), Ponce de Leon (Richard), Jair (Canhotinho) e Canhotinho (Rodrigues).
OLIMPIC: Germain; Pebini, Firaud; Rossi, Gonzalez, Belve; Ieso (Courteaux), Bonifaci (Cartigila), Bengtsson, Carré e Jalmasson.
01/07/1951
Juventus  3x2  Estrela Vermelha
Local: Pacaembu – São Paulo (SP)
Renda: Cr$ 874.965,00;
Juiz: Alberto da Gama Malcher(BRA
Assistentes: Franz Grill (AUS) e Mario Gardelli (BRA)
Gols: Tomazevich 18’, Boniperti 26’, 42’ (1ºT) Ogujanov 14’, Hansen 39’ (penal) (2ºT).
JUVENTUS: Viola; Manente, Bertipaolli; Mari, Pagola, Piccinini; Muscinelli, Karl Hansen, Boniperti, John Hansen e Karl Praest.
ESTRELA: Krivokutcas; Tadsen, Stanhovsen; Palfi, Duruevic, Djajic; Ogujanov, Mitic, Tomazevich, Zikinevic (Itanosseni) e Vuksanzijevien.
03/07/1951
Juventus  3x2  Olimpic Nice
Local: Pacaembu – São Paulo (SP)
Renda: Cr$ 200.995,00;
Juiz: Grill (AUT)
Gols: Vivolo 11’, Courteaux 20’, Praest 35’ (1ºT) Courteax 15’, Maccinelli 32’ (2ºT).
JUVENTUS: Viola; Bertucelli, Manente; Mari, Parola, Piccinini; Maccinelli, Hansen I, Vivolo, Hansen II e Praest.
OLIMPIC: Germain; Rossi, Firout; Pedini (Bonifaci), Gonzalez e Belvert (Pedini); Courteaux, Bonifael (Ieso), Carré, Hajalmesson e Bentifur.

05/07/1951
Palmeiras  2x1  Estrela Vermelha
Local: Pacaembu – São Paulo (SP)
Árbitro: Gaby Tordjman/FRA;
Renda: Cr$ 712.535,00
Gols: Ongzanov 08 e Achilles 11/1º; Liminha 35/2º
PALMEIRAS: Oberdan; Salvador e Juvenal; Waldemar Fiúme, Luís Villa e Dema; Lima, Achilles, Liminha, Jair Rosa Pinto (Canhotinho) e Rodrigues Tatu
Técnico: Ventura Cambon.
ESTRELA VERMELHA: Krivokut; Stankovich (Mesovith) e Districh; Palfi, Djurdjevic e Djajich; Ongzanov, Mitic, Tomasvic, Zanojich e Vukavickvich.
Técnico: Lubisa Brocci

07/07/1951
Olimpic Nice 2x1 EstrelaVermelha
Local: Pacaembu – São Paulo (SP)
Renda: Cr$ 198.800,00;
Juiz: Mario Viana (BRA)
Expulso: Djurdjevic 13’ (1ºT)
Gols: Mitic 1’, Ben Tifour 4’, Bergtson (penal) (2ºT)
OLIMPIC: Germain; Rossi, Firoud; Bonifaci, Gonzalez, Beiver (Pedine); Corteaux, Ieso, Berstsson, Carré (Cartidia) e Ben Tifour.
ESTRELA VERMELHA: Krivokucz; Tadic, Djakic (Nesovich); Palfi, Djurdjevic e Djajic; Ognjanov, Mitic, Zlatkovic, Knstic e Jezerka.
NOTA: O goleiro Krivokuc empurrou e cuspiu no rosto do juiz brasileiro, mas não foi expulso de campo.
08/07/1951
Palmeiras  0x4  Juventus
Local: Pacaembu – São Paulo (SP)
Árbitro: Edward Graigh (ING);
Auxiliares: Popovic (IUG) Gardeli (ITA)
Renda: Cr$ 1.120.905,00
Gols: Boniperti 10 e 18 (1ºT), Karl Hansen pênalti 03 e Praest 35 (2ºT)
PALMEIRAS: Oberdan; Sarno e Juvenal; Waldemar Fiúme, Túlio e Dema; Lima, Achilles, Liminha, Canhotinho (Jair Rosa Pinto) e Rodrigues Tatu (Ponce de Leon) / Técnico: Ventura Cambon.
JUVENTUS: Viola; Bertucelli e Manente; Mari Jacomo, Filipo e Piccinini; Muccinelli, Karl Hansen, Boniperti, Johan Hansen (Vivole 15’ 1ºT) e Praest / Técnico: Carver.

GRUPO SÃO PAULO      PT VT EM DR GP GC
1°- Juventus         06 03 00 00 10 04
2°- Palmeiras        04 02 00 01 05 05
3°- Nice             02 01 00 02 04 07
4°- Estrela Vermelha 00 00 00 03 04 07

SEMI-FINAIS
12/07/1951
Juventus  3x3  Austria Wien
Local: Pacaembu – São Paulo (SP)
Renda: Cr$ 333.895,00;
Juiz: Gama Malcher (BRA)
Gols: Koeler 29’, Muccineli 32’’, Stojaspal 39’ (1ºT) Praest 4’, 27’, Stojaspal 40’ (penal) (2ºT).
JUVENTUS: Viola; Manente, Bertuceli Mari, Parola, Piccinini; Muccinelli, Karl Hansen, Boniperti, Vivolo e Praest.
AUSTRIA: Schweda; Melchior II, Josck; Fischer, Orcwick, Schleger; Melchior I, Koeler, Huber, Stojaspal e Aurednick.

14/07/1951
Juventus  3x1  Austria Wien
Local: Pacaembu – São Paulo (SP)
Renda: Cr$ 776.140,00;
Juiz: M.Graigh (ING)
Gols: Muccineli 8’, 10’, Boniperti 14’, Stojaspal (2ºT)
JUVENTUS: Viola; Manente, Bertucelli; Mari, Ferrari, Piccinini; Muccinelli, Karl Hansen (Scaramuchi), Boniperti, Yan Hansen e Praest (Vivolo).
AUSTRIA: Scweda; Melchior II, Josck; Fischer, Ocwirck, Schleger; Melchior I, Koller, Huber, Stojaspla e Aurednick.

Juventus classificado as finais
12/07/1951
Vasco da Gama  1x2  Palmeiras
Local: Estádio Mário Filho / Maracanã / Rio de Janeiro
Árbitro: Edward Graigh (ING);
Púb.: 42.992 (30.265 pagantes)
Renda: Cr$ 901.520,00
Gols: Richard 24/1º, Maneca 01 e Liminha 37 /2º
VASCO DA GAMA: Barbosa; Augusto e Clarel; Ely, Danilo e Alfredo; Tesourinha, Ipojucan (Vasconcelos), Friaça, Maneca e Djair /Técnico: Oto Glória.
PALMEIRAS: Fábio Crippa; Salvador e Juvenal; Túlio, Luís Villa e Dema; Lima, Ponce de Leon, Liminha, Jair Rosa Pinto e Rodrigues Tatu / Técnico: Ventura Cambon.
15/07/1951
Vasco da Gama  0x0  Palmeiras
Local: Estádio Mário Filho - Maracanã, no Rio de Janeiro/RJ
Árbitro: Edward Graigh (ING);
Públ.: 77.488 (63.668 pagantes);
Renda: Cr$ 1.914.325,00
VASCO DA GAMA: Guimarães; Augusto e Ely; Clarel, Danilo e Alfredo; Tesourinha, Vasconcelos, Friaça, Maneca e Djair /Técnico: Oto Glória.
PALMEIRAS: Fábio Crippa; Salvador e Juvenal; Túlio, Luís Villa e Dema; Liminha, Ponce de Leon, Richard, Jair Rosa Pinto e Rodrigues Tatu /Técnico: Ventura Cambon.
 
Palmeiras classificado as finais
FINAIS
18/07/1951
Palmeiras  1x0  Juventus
Local: Estádio do Maracanã – Rio de Janeiro (DF)
Renda: Cr$ 1.376.975,00 –
Público: 56.961 (43.001 pagantes)
Árbitro: Franz Grill (AUS); Auxiliares: Edward Greigh (ING) e Gaby Tordjman (FRA)
Gol: Rodrigues
PALMEIRAS: Fábio, Salvador, Juvenal, Túlio, Luiz Villa, Dema, Lima, Ponce de Leon, Liminha, Jair Rosa Pinto, Rodrigues - Téc.: Ventura Cambon
JUVENTUS: G.Viola, A.Bertucelli, S.Manente, Mari, R.Ferrario, A.Piccinini (R.Bizzoto), E.Muccinelli, Karl Hansen, Bonipertti, John Hansen, K.H.Praest - Téc.: Carver
22/07/1951
Palmeiras  2x2  Juventus
Local: Estádio do Maracanã – Rio de Janeiro (DF)
Renda: Cr$ 2.783.190,00
Público: 100.093 (82.892 pagantes);
Árbitro: Gaby Tordjman (França)
Auxiliares: Greig (ING) e Papovic (IUG)
Gols: Praest 18’ (1ºt); Rodrigues 2’, Karl Hansen 18’, Liminha 32’ (2ºT)
PALMEIRAS: Fábio Crippa; Salvador, Juvenal, Túlio, Luiz Villa, Dema; Lima, Ponce de León (Canhotinho), Liminha, Jair e Rodrigues
Técnico: Ventura Cambon
JUVENTUS: Viola, Bertucelli, Manente, Mari Jacomo, Parola, Bizzoto, Muccinelli, Karl Hansen, Bonipertti, John Hansen, Praest
Técnico: Carver

NOTA: Desde 2001, o Palmeiras tentava junto a entidade máxima do futebol, a homologação do título conquistado em 1951, como Campeonato Mundial. Neste ano (2001) o Verdão enviou um dossiê à FIFA, com vários documentos, fotos e jornais da época com entrevistas de Ottorino Barassi endossando a competição. Fato analizado por mais de 05 anos pela FIFA, que não teve como contestar o pedido do Palmeiras. Mas, posteriormente, este titulo foi retirado no dia 15 de dezembro de 2007.
CLASSIFICAÇÃO FINAL
 
1º Palmeiras (BRA)
2º Juventus (ITA)
3º Vasco da Gama (BRA)
4º Áustria Viena (AUT)
5º Olimpic Nice (FRA)
6º Nacional (URU)
7º Estrela Vermelha (IUG)
8º Sporting (POR)
 
Artilheiros:
Boniperti, Praest (Juventus) 6
Friaça (Vasco) 5
Stojaspal (Áustria) 5
Mucinelli (Juventus) 4
Ipojucan (Vasco) 3
Aurednick (Áustria) 3
Liminha (Palmeiras) 3
Tesourinha e Dejair (Vasco) 2
Aquiles, Richard, Rodrigues (Palmeiras) 2
Patalino (Sporting) 2
Courteaux (Olimpic) 2
Mitic (Estrela Vermelha) 2
Joctez (Áustria) 2
Ponce de Leon (Pameiras) 1
Maneca (Vasco) 1
Hubber (Áustria) 1
Tomasevic e Ognkanow (Estrela Vermelha) 1
Bermudez, Fidel, Ramirez (Nacional) 1
Jesus Correia e Albano (Sporting) 1
Bentifour e Bergtsson (Olimpic) 1
Vivolo e Karl Hansen (Juventus) 1
 
Arqueiros:
Azevedo (Sporting) 10
Viola (Juventus) 10
Soweds (Áustria) 10
Penalva (Nacional) 8
Germain (Olimpic) 7
Krivocutick (Estrela vermelha) 7
Oberdan (Palmeiras) 5
Barbosa (Vasco) 4
Fabio (Palmeiras) 3
Ploe (Áustria) 2
Ernani (Vasco) 0.
 
Renda Total: Cr$ 18.595.953,00.
 
 
Fonte: Acervo Digital da Folha

Colaboração: Walmir Gonçalves

Nenhum comentário: