"O MAIOR ACERVO DA INTERNET DE FICHAS TÉCNICAS DE CAMPEONATOS NO BRASIL"
Veja o indíce dos Campeonatos clicando em http://indiceblogdomarcao.blogspot.com/
atualizado até dezembro de 2010

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Fluminense FC 2012 - Carioca (22)

Jogo 30
BOTAFOGO de Futebol e Regatas 0 X 1 FLUMINENSE Foot Ball Club
Motivo: Campeonato Carioca (Decisão - 2ºjogo)
Local: Estádio do Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/Hora: Domingo, 13/05/2012, às 16h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)
Auxiliares: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Jackson Lourenço Massarra dos Santos (RJ)
Renda / público: R$ 738.185,00 / 25.016 ( 20.544 pagantes )
Cartões amarelos: Maicosuel,16'/1ºT, Loco Abreu, 22'/1ºT e Gabriel, 42'/1ºT(BOT); Bruno,30'/1ºT, Diego Cavalieri, 33'/1ºT e Anderson, 1'/2ºT (FLU)
Cartão vermelho: Maicosuel, 41'/2ºT (BOT)
Gol: Rafael Moura, 17'/2ºT (0-1)

BFR: Jefferson; Gabriel (Caio 20'/2ºT), Brinner, Fábio Ferreira e Márcio Azevedo; Jadson, Renato, Elkeson (Herrera, no intervalo), Fellype Gabriel e Maicosuel; Loco Abreu (Vitinho, 26'/2ºT). Técnico: Oswaldo de Oliveira.

FFC: Diego Cavalieri; Bruno (Fábio, 28'/2ºT), Gum, Anderson e Carlinhos; Edinho, Jean e Deco (Wagner 33'/1ºT); Thiago Neves, Rafael Sobis (Marcos Júnior, 31'/2ºT) e Rafael Moura. Técnico: Abel Braga.

Obs.: No resultado agregado das duas partidas decisivas, Flu 5 a 1. Jogo disputado sob muita chuva, com a diretoria do Botafogo preferindo jogar com as arquibancadas alvinegras vazias do que ceder mais ingressos para a Torcida Tricolor, que esgotou a sua carga 48 horas antes e contou com a decisão de muitos tricolores em comprar ingressos nas localidades adversárias e usar camisas neutras. O Flu, que relegou a disputa deste Campeonato Carioca a segundo plano atuando com os reservas em várias partidas, cresceu nos momentos decisivos mostrando grande superioridade técnica, jogando a partida decisiva desfalcado de Fred e Valência, neste caso, contundidos.
Em 19 jogos, o Fluminense obteve 12 vitórias, 2 empates e 5 derrotas, com 39 gols pró e 18 gols contra. Talvez a figura mais importante nesta campanha tenha sido o técnico Abel Braga, que soube priorizar a Copa Libertadores sem deixar de focar a conquista do Campeonato Carioca.

Colaboração: Alexandre Berwanger

Nenhum comentário: